Todo cuidado é pouco quando o assunto é a segurança do seu site. E quando falamos em deixar um site mais seguro, nos referimos principalmente às ações de prevenção para manter um site livre das ameaças da internet.

Levando em conta fatores recentes como a nova lei de proteção de dados, o cuidado deve ser ainda maior. Agora as empresas devem ficar atentas às consequências de um vazamento de dados, pois as punições passarão a ser severas.

Sabemos que ficar imune a todas as ameaças do mundo digital não é uma tarefa fácil, visto que elas evoluem da mesma forma que a tecnologia. No entanto, é preciso manter as práticas de segurança de um site em dia, justamente para corrigir vulnerabilidades.

A seguir, você lerá dicas para deixar o seu site mais seguro.

Antes de mais nada, planeje!

Um bom planejamento de segurança vai levantar questões importantes para tomar as devidas ações. Isso porque as medidas de segurança corretas demandam informações que vão orientar cada uma delas.

É importante, por exemplo, saber a estrutura do site. O seu site é um e-commerce, um blog ou site institucional? Cada um deles exige um nível diferente de segurança. Estruturalmente falando, o seu site pode possuir ambientes logados, receber dados sensíveis de usuários e até mesmo utilizar plugins específicos.

Também no planejamento, é possível entender a visibilidade do site e quais danos ele pode sofrer caso haja algum perigo. Além dos danos estruturais, a reputação de um site invadido também pode resultar em uma crise de segurança.

Por último, o planejamento vai definir regras e ações para melhor proteger um site. Assim, levando em conta o orçamento, estrutura, número de funcionários da empresa, etc. você conseguirá saber exatamente quais ações deve tomar para manter o seu site seguro.

Para melhor entender, compare sites que trabalham com pagamentos online e blogs de turismo. Em ambos os casos a segurança é importante. Entretanto, deve ser trabalhada em diferentes níveis.

Senhas fortes aumentam a segurança do seu site

Às vezes, subestimamos a capacidade e o interesse de hackers e acabamos definindo senhas fracas, como nomedaempresa123 ou um número de telefone.

Saiba que, se você comete este erro, o seu site pode estar exposto a muito mais ameaças do que qualquer outro que utilize uma senha forte.

Ao escolher uma senha, procure sempre usar letras maiúsculas e minúsculas, números e os caracteres especiais permitidos. Muitos sites recomendam o

Alguns planos de hospedagem contam com ferramentas mais avançadas, como o gerador de senhas. Em suma, este recurso gera senhas de forma aleatória, seguindo sempre um alto padrão de segurança.

Além de criar uma senha forte, atente-se ao número de usuários com acesso ao site. Principalmente se for com permissão de administrador, quanto maior o número de usuários, maior o risco de um ataque acontecer.

Criptografia é a garantia de segurança para o seu site

Faz tempo que o certificado SSL deixou de ser um extra, para se tornar um dos elementos primordiais de qualquer site seguro.

Basicamente, o SSL é responsável por criptografar os dados de um site de forma que somente o servidor consiga decifrá-los. Assim, o seu site pode até sofrer um ataque, mas o hacker não conseguirá entender os dados.

Segurança para site - google chrome
Certificado para sites seguro – Google Chrome

Este é um ponto de partida para quem lida com dados sensíveis e uma etapa obrigatória para quem quer ser bem classificado em pesquisas do Google. Isso porque a empresa anunciou que esse é um dos critérios para a análise de SEO dos resultados de buscas.

Além disso, o Google também lançou um recurso no navegador Google Chrome que mostra quando os sites não são seguros. Imagino que você não queira passar essa impressão ao usuário, certo?

Use um bom Firewall

Assim como a criptografia, o uso de um bom firewall pode ajudar na hora de classificar o seu site no Google. Isso porque dentro das práticas de segurança, o firewall bloqueia tráfego suspeito, o que deixa o seu site mais rápido. Assim, sites mais rápidos possuem prioridade no ranqueamento de motores de pesquisa.

Um bom firewall pode identificar a estrutura do seu site e também o comportamento dos usuários que o acessam. Este fator influencia diretamente no bloqueio de tráfego suspeito. Por isso, não se esqueça de escolher um plano de hospedagem que ofereça firewall.

Mantenha o seu site atualizado

Sim, é muito importante alimentar o seu site com conteúdo de qualidade para o seu usuário. No entanto, aqui estamos falando de todos os componentes do seu site. Mantenha tudo atualizado em suas devidas versões.

Principalmente se estiver utilizando o WordPress, um dos principais objetivos das atualizações é manter a segurança em dia. Nesse sentido, o mesmo acontece para senhas, plugins, temas, widgets, certificados de segurança, etc.

Uma dica é incluir em sua agenda uma data para checar se novas atualizações estão disponíveis.

Faça testes e backups

Depois de planejar e implantar as boas práticas de segurança, chegou a hora de testar o seu sistema. Faça testes como o teste de blindagem, que além de checar se o site está protegido, emite certificado de site blindado.

Além dos testes automáticos, existe uma série de testes manuais que podem ser feitos nesta fase. Assim você terá um site protegido e relatórios com correções de vulnerabilidade.

Já as cópias de segurança, os backups, também devem ser periódicos e visam proteger o site de qualquer falha. Para entender a importância dos backups, imagine a seguinte situação: Uma falha de sistema apagou todos os arquivos do site. Se você tem um backup, tudo está salvo.

Conclusão

Com este artigo, você aprendeu que é muito importante estar em dia com a segurança do seu site. Sobretudo nos dias de hoje, a segurança nunca será demais, podemos garantir.

Muitos fatores, além de proteger contra ameaças, podem ajudar na classificação do seu site em motores de pesquisa.

Esperamos que com as nossas dicas você consiga manter o seu site seguro e encontrar o melhor serviço de hospedagem.

Clique aqui e continue aprendendo tudo sobre hospedagem de sites.

Compartilhe:

Sobre o autor:

Sobre o autor:

Posts Relacionados:

computador com gráficos aumentando e setas em direção ao alto indicando bons desempenhos do marketing de varejo

Como Aumentar As Vendas no Varejo

O marketing de varejo é um conjunto de atividades que os varejistas fazem para promover seus produtos e aumentar as vendas. Embora utilizamos alguns princípios

Novidades do Blog

Deixe seu e-mail abaixo para passar a receber promoções e novidades do nosso Blog.